+
    InícioCampeonato Brasileiro Série AClubes recusaram apoio ao Flamengo por paralisação do Brasileiro

    Clubes recusaram apoio ao Flamengo por paralisação do Brasileiro

    A diretoria do Flamengo, bicampeão brasileiro, tentou convencer os demais clubes, mas não recebeu apoio. A CBF trabalhou contra, pressionando eventuais apoiadores, lembrando que são compulsivos tomadores de adiantamento de cotas.

    Sem conseguir paralisar o Brasileiro, durante a Copa América por bem, o clube de maior torcida no país entrou na justiça para que a competição nacional seja paralisada enquanto acontecer o torneio internacional por estar sem cinco jogadores. Gabigol e Everton Ribeiro estão na Seleção Brasileira. Arrascaeta serve ao Uruguai, Isla ao Chile e Piris da Motta ao Paraguai.

    PUBLICIDADE

    O principal argumento é que a CBF respeite o que fez em 2019, já que também com a Copa América, as partidas do Brasileirão não aconteceram. Primeiro, o pedido foi no Superior Tribunal de Justiça Desportiva (STJD). Mas a promessa da diretoria é lutar por seus direitos até o fim, podendo chegar na justiça comum.

    — Os clubes não podem continuar a jogar suas chances nas competições e os milhões investidos pelo ralo para promover torneios da seleção. Precisamos repensar o futebol brasileiro. Há que se respeitar o regulamento das competições que prevê que a base de tudo é a isonomia. Não estamos sendo ouvidos pela CBF, o que nos fez pedir a intervenção da Justiça Desportiva. É a oportunidade que temos de rever certos conceitos. Não há como privar alguns clubes de seus melhores jogadores e outros não. Acreditamos que a Justiça será feita. Quem trabalha com verdade e com ética não pode deixar de buscar seus diretos. O regulamento precisa ser cumprido. Há que se ter igualdade de oportunidades entre os participantes e isonomia. Basta ler o regulamento, escreveu o vice-presidente flamenguista, Rodrigo Dunshee.

    A dificuldade do time, diante do Coritiba, clube que está na Segunda Divisão, na vitória por 1 a 0, pela Copa do Brasil, só aumentou a disposição do Flamengo em parar o Brasileiro.

    — A CBF precisa promover o equilíbrio das competições. A base da competição é a isonomia entre os concorrentes e isso está no artigo primeiro do regulamento. Somos a favor da seleção, mas com paralisação do campeonato. O mundo civilizado funciona assim. Não podemos prosseguir sacrificando as competições nacionais e os clubes para fazer frente às seleções. Não dá para retroceder. Por conta desse desequilíbrio, o Flamengo se socorreu ao STJD, para que, como em 2019, seja paralisado o Campeonato durante a Copa América, ressalta Abranches.

    Só que a postura da CBF, com o apoio da Globo, é que o Brasileiro não pare. A grande diferença da Copa América de 2019 e a de 2021 está na transmissão. A parceira histórica da CBF, a Globo tinha a competição há dois anos. Desta vez, ela está nas mãos do SBT. A guerra de bastidores é forte. A Globo quer tirar as atenções do torneio da concorrente, e apela para a velha cumplicidade da CBF. Mas o Flamengo, apesar de gigante, está isolado…

    Por: Cosme Rimoli

    PUBLICIDADE
    Sávio Felipe
    Casado, Pai de Levi, 28 anos, escreve para os sites Mengo News, Flamengo Agora, Futebolizei e Resenha Campinense

    DEIXE UMA RESPOSTA

    Por favor digite seu comentário!
    Por favor, digite seu nome aqui

    FlaTV+

    52,465FãsCurtir
    18,547SeguidoresSeguir
    20,458SeguidoresSeguir

    + notícias

    Damos valor à sua privacidade

    Nós e os nossos parceiros armazenamos ou acedemos a informações dos dispositivos, tais como cookies, e processamos dados pessoais, tais como identificadores exclusivos e informações padrão enviadas pelos dispositivos, para as finalidades descritas abaixo. Poderá clicar para consentir o processamento por nossa parte e pela parte dos nossos parceiros para tais finalidades. Em alternativa, poderá clicar para recusar o consentimento, ou aceder a informações mais pormenorizadas e alterar as suas preferências antes de dar consentimento. As suas preferências serão aplicadas apenas a este website.

    Cookies estritamente necessários

    Estes cookies são necessários para que o website funcione e não podem ser desligados nos nossos sistemas. Normalmente, eles só são configurados em resposta a ações levadas a cabo por si e que correspondem a uma solicitação de serviços, tais como definir as suas preferências de privacidade, iniciar sessão ou preencher formulários. Pode configurar o seu navegador para bloquear ou alertá-lo(a) sobre esses cookies, mas algumas partes do website não funcionarão. Estes cookies não armazenam qualquer informação pessoal identificável.

    Cookies de desempenho

    Estes cookies permitem-nos contar visitas e fontes de tráfego, para que possamos medir e melhorar o desempenho do nosso website. Eles ajudam-nos a saber quais são as páginas mais e menos populares e a ver como os visitantes se movimentam pelo website. Todas as informações recolhidas por estes cookies são agregadas e, por conseguinte, anónimas. Se não permitir estes cookies, não saberemos quando visitou o nosso site.

    Cookies de funcionalidade

    Estes cookies permitem que o site forneça uma funcionalidade e personalização melhoradas. Podem ser estabelecidos por nós ou por fornecedores externos cujos serviços adicionámos às nossas páginas. Se não permitir estes cookies algumas destas funcionalidades, ou mesmo todas, podem não atuar corretamente.

    Cookies de publicidade

    Estes cookies podem ser estabelecidos através do nosso site pelos nossos parceiros de publicidade. Podem ser usados por essas empresas para construir um perfil sobre os seus interesses e mostrar-lhe anúncios relevantes em outros websites. Eles não armazenam diretamente informações pessoais, mas são baseados na identificação exclusiva do seu navegador e dispositivo de internet. Se não permitir estes cookies, terá menos publicidade direcionada.

    Visite as nossas páginas de Políticas de privacidade e Termos e condições.